Comissão de Vidros

COMISSÃO TÉCNICA DE VIDROS DA ABCERAM

Em 02 de setembro de 2015 foi criada a Comissão de Vidros com a participação de:

Samuel Marcio Toffoli – Escola Politécnica da USP
Mauro Akerman – Escola do Vidro-ABCERAM
Edison Toporcov – Weaton Brasil
Fábio dos Santos Bernardo – Consultor
Marcelo Adriano Fernandes Guerra – Saint-Gobain SEFPRO
Carlos Mazzotti – CETEV Saint-Gobain
Tiago Metti – Raw Material

____________________________

CARTA DE PRINCÍPIOS

Estando o vidro dentro deste escopo e com a expansão da indústria vidreira nacional, sua diretoria decidiu pela criação de uma comissão técnica específica para assuntos do setor.

2 Objetivos
2.1    Congregar pessoas e instituições com interesses técnico e científico nos materiais vítreos.
2.2    Promover a troca de informação técnica e científica que promova o aumento de produtividade do setor.
2.3  Promover formação técnica específica através da Escola do Vidro, tanto presencial como a distância, a realização de encontros técnicos.
2.4    Servir de canal de divulgação de novas empresas, produtos e serviços de interesse do setor.
2.5    Aproximar a academia da indústria.
2.6    Divulgar a disponibilidade de técnicos especializados disponíveis no mercado assim como vagas.
2.7    Aumentar a competitividade do setor perante materiais alternativos.

3 Participantes
Podem participar da Comissão de Vidros da ABCeram quaisquer associados interessados que estiverem em dia com sua contribuição anual estatutária, seja por vínculo como associado individual ou como representante de associados das categorias “Patrocinador” ou “Coletivo”. Desse modo, a Comissão pode interessar à participação, pessoas ligadas aos seguintes setores da sociedade:
3.1  Produtores de vidro.
3.2  Fornecedores de matérias-primas, materiais, equipamentos e serviços para vidrarias.
3.3  Universidades, escolas técnicas, associações e institutos de pesquisa.
3.4  Utilizadores e transformadores de produtos de vidro.

4 Forma de atuação
As atividades da Comissão de Vidros da ABCeram deverão desenvolver-se em diversas linhas de atuação. Abaixo segue uma lista das principais, a qual não limita, contudo, a possibilidade de a Comissão atuar de outras formas complementares:
4.1  Reuniões periódicas ao longo do ano.
4.2  Realização de um encontro técnico anual.
4.3  Reuniões de divulgação de temas específicos de empresas fornecedoras de equipamentos, materiais e serviços que sejam de interesse do setor.
4.4  Realização de formação técnica de pessoal através da Escola do Vidro da ABCeram.
4.5  Promover a interação de vidrarias com universidades, sugerindo e orientando temas de interesse.
4.6  Divulgação do material vidro.

São Paulo, 02 de setembro de 2015
Comissão Técnica de Vidros da Associação Brasileira de Cerâmica – ABCERAM

Comments are closed