Certificação

CERÂMICA NO BRASIL - CERTIFICAÇÃO

O Centro Cerâmico do Brasil (CCB) é um Organismo de Avaliação da Conformidade acreditado junto ao INMETRO, desde 1996, para a certificação de produtos (desde 1996) e de Sistema de Gestão da Qualidade (1998).

O CCB se orgulha de ser o primeiro Organismo Certificador da Qualidade de produtos cerâmicos e, desde a sua fundação em 1993, tem exercido papel fundamental no desenvolvimento tecnológico e da qualidade de produtos da indústria cerâmica brasileira.

Escopo do CCB para certificação:
• Placas cerâmicas para revestimentos;
• Telhas Cerâmicas;
• Blocos Cerâmicos;
• Telhas de Concreto;
• Argamassas de Rejuntamento;
• Sistema de Gestão da Qualidade.

A certificação de um produto ou de um sistema de gestão da qualidade é um processo de avaliação da conformidade que consiste em atestar que um produto, processo, serviço ou profissional atende a requisitos mínimos pré-definidos em normas, especificação ou regulamentos técnicos, nacional ou internacional. Esta avaliação da conformidade significa afirmar que foi implementado um processo sistematizado, com regras pré-estabelecidas e devidamente acompanhado, que propicia um adequado grau de confiança, com o menor custo possível para a sociedade.

Existem dois tipos distintos de certificação: compulsória ou voluntária. É considerada compulsória quando o órgão regulador (INMETRO) estabelece que o produto possa oferecer algum risco a segurança do consumidor ou ao meio ambiente ou um desempenho inadequado que cause prejuízo econômico a sociedade, como por exemplo, brinquedos, extintores de incêndio, fios e cabos elétricos entre outros. A certificação voluntária parte de uma decisão da empresa fabricante no intuito de agregar valor ao produto como, por exemplo, os revestimentos cerâmicos, blocos e telhas cerâmicas, blocos e telhas de concreto, ferramentas, rodas automotivas e etc.

Importância, vantagens e benefícios da certificação:
A certificação é uma ferramenta fundamental para as organizações que desejam obter destaque no cenário nacional e internacional, pois há uma preocupação com a adequação a determinada norma, especificação ou regulamento. A certificação cria um diferencial competitivo frente aos concorrentes.

A certificação se configura como uma forma de colocar as coisas em seus devidos lugares de maneira sistêmica. Desta forma, ajuda as empresas a entenderem o que se passa internamente, como realmente funcionam e, de certa forma, orientam como devem tratar seus processos, suas não-conformidades e as ações que devem ser executadas para que estas não-conformidades não venham a ocorrer novamente.

Também ajuda as empresas a desenvolverem um apreço maior por seus clientes, auxilia no desenvolvimento de lideranças e contribui e muito para o envolvimento das pessoas.

A certificação implica em uma grande mudança cultural dentre da organização, sendo fundamental e necessário a participação das pessoas/colaboradores da empresa.

Resumidamente, os benefícios trazidos pelos processos da certificação são inúmeros, dentre eles, destacamos:
• Garantia que o produto ou o sistema atendem às normas vigentes no país;
• Condição essencial para exportação para diversos mercados;
• Redução das perdas no processo produtivo e melhoria de sua gestão;
• Mobilização de pessoas em torno de um objetivo comum;
• Oportunidade para alavancar a imagem da empresa;
• Diferenciação dos produtos em relação a seus concorrentes;
• Aumento da satisfação dos clientes;
• Maior credibilidade e competitividade dos produtos junto ao s clientes;
• Diminuição de controles e avaliações por parte de seus clientes.

Para mais informações, consulte o Centro Cerâmico do Brasil – CCB pelo site: www.ccb.org.br ou pelo email: certificacao@ccb.org.br

Comments are closed